História da Rede Globo

Foi em 26 de abril, em 1965, mais precisamente às 11 horas, que entrou no ar o canal 4, TV Globo do Rio de Janeiro, dando o pontapé inicial para a formação da Rede Globo de Televisão. A concessão foi outorgada no governo do presidente Juscelino Kubitschek, e aos poucos outras emissoras da rede entravam no ar: em São Paulo, através do Canal 5 (antiga TV Paulista, adquirida do grupo Victor Costa); em Belo Horizonte (pela emissora adquirida do grupo J. B. Amaral em 1968), em Brasília, em 1971 (concessão feita pelo presidente João Goulart em 1962), e em Recife (através de emissora adquirida do grupo Victor Costa).

Rede Globo

Rede Globo

A Globo cobre hoje 99,84% dos 5.043 municípios brasileiros, através de 113 emissoras entre Geradoras e Afiliadas. Mas falando na história da emissora, vale lembrar que ela logo de início, imprimiu um novo conceito de qualidade à televisão brasileira. Também nas transmissões internacionais foi pioneira. A Copa do Mundo de Futebol na Inglaterra, em 1966, foi a primeira transmitida ao vivo; e o lançamento da nave espacial Apollo IX, em 1968 foi a pioneira transmissão via satélite.

A Globo iniciou a operação em rede no Brasil, em 1969 com o Jornal Nacional, um marco na história da TV brasileira. Foi pioneira também na implantação da TV em cores no Brasil, em 1972. Já em 1975 a emissora contava com uma programação nacional.Destaque também para a utilização do satélite Intelsat para transmissões em tempo real dentro do país.

Em 1966, a autora cubana Gloria Magadan escreveu uma das primeiras novelas levadas ao ar pela Globo, “Eu compro esta mulher”, vindo depois com igual sucesso, da mesma autora “O sheik de Agadir”, que inovou registrando maior número de cenas externas e uma edição mais ágil.

O Centro de Produção da Globo (PROJAC), em Jacarepaguá, é o maior da América Latina e conta no total com 1.300.000 metros quadrados, dos quais 120 mil de área construída, abrigando estúdios, módulos de produção e galpões de acervo.

A Rede Globo conta hoje com cerca de 8 mil funcionários, sendo mais de 4 mil envolvidos diretamente na criação dos programas: autores, diretores, atores, jornalistas, cenógrafos, figurinistas, produtores, músicos e técnicos.

No período de um ano, a Globo grava e exibe diversas novelas, minisséries e especiais. Ao todo, se somarmos os shows, humoristicos, musicais, eventos e jornalismo: são 4.420 horas de produção própria todo ano, o que coloca a emissora na posição de maior produtora de programas próprios de televisão do mundo.

Esportes

A Rede Globo vem acumulando os direitos de transmissão de competições estratégicas,também adota a lógica de tratamento adotada para outros tópicos como cultura e ciência, ditada por estatísticas de interesse da maioria. Sob o ponto de vista da Teoria da informação pode-se concluir que a emissora adota a antítese: jamais apresenta informação nova.

A Rede Globo possui direitos de transmissão sobre:

Futebol

Desde o final da década de 1990, ela detém os direitos sobre as transmissões das principais competições de futebol.

Fórmula 1

O direito de transmissão do campeonato de Fórmula 1 é comprado todos os anos pela Rede Globo, desde a década de 1980. A emissora detém a exclusividade sobre os direitos de transmissão das provas.

Olimpíadas

Há tempo, a Rede Globo possui os direitos de transmissão. Ela mantém há anos uma equipe pequena — normalmente 2 ou 3 comentaristas esportivos — obrigada a acompanhar todas as modalidades esportivas neste evento. O resultado é uma pronunciada baixa de qualidade, fruto da impossibilidade de um único narrador conhecer aspectos técnicos de vários esportes. Comparativamente, durante os Jogos Olímpicos de 2004, duas redes francesas de televisão se revezaram 24 horas por dia durante todo o evento. Diversos narradores diferentes e especialistas em cada esporte narravam cada competição ao público.

Em Beijing 2008, a Globo foi a responsável por transmitir para todo o mundo os jogos de Voleibol de praia.Além de acordos com outras modalidades esportivas.

Retirado de: http://www.microfone.jor.br/hist_globo.htm

Tags: , , , , , ,

Uma resposta to “História da Rede Globo”

  1. José Francisco Says:

    Com certeza a Globo sempre sera a melhor em tudo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: